Dicas

Bia Goes leva seu show Brasil em Canções , no 19º Festival de Inverno de Paranapiacaba,

domingo, 28 de julho, às 15h, no Coreto da Praça Clube União Lyra Serrano.

Com direção musical do vibrafonista Ricardo Valverde, Brasil em Canções traz um rico panorama de ritmos, fazendo também um resgate na história da música brasileira.

No dia 28 de julho, um domingo,  Bia Goes sobe ao palco no Clube União Lyra Serrano, às 15 horas, no Festival de Paranapiacaba, percorrendo o Brasil urbano, o da roça, o nordestino e o Brasil mundo afora com a bossa nova, o samba canção, forró e a música caipira, em canções imortalizadas pelo rádio brasileiro. No repertório, músicas como O Mundo Não se Acabou, rememorando Carmem Miranda, Milhões de Estrelas (de Gabriel Sater), Romaria (Renato Teixeira), Coco Sincopado (João da Silva), Feira de Mangaio (Sivuca), Inútil Paisagem (Tom Jobim) e Lapinha (Baden Powell/Paulo César Pinheiro), passando ademais por autores como Ary Barroso, Noel Rosa, Cascatinha e Inhana. Nesta viagem musical brasiliana, cabe ainda composições autorais como Flor De Sal, parceria de Bia com Ricardo Valverde. “O show Brasil em Canções representa pra mim um mergulho nas melhores memórias musicais da minha carreira”, compartilha a cantora.

Bia Goes construiu uma carreira artística versátil, com dois discos lançados ela transita por diversos estilos e ritmos, da música instrumental à canção popular, habilidade estimulada por sua origem. Este novo show dialoga exatamente com sua trajetória na música, que Bia percorreu participando de variados projetos e dividindo palco com tantos grandes artistas de vertentes distintas.

Venha fazer desta viagem sonora por diferentes épocas e regiões do Brasil com Bia e super banda.

Bia Goes

A cantora e preparadora vocal Bia Goes, completa em 2019, 15 anos de carreira. Professora do curso de canto popular do Conservatório de Tatuí, a cantora concilia as aulas com sua carreira artística.

Com dois CD’s gravados, foi finalista do Prêmio da Música Brasileira como melhor cantora regional e lançou seu trabalho solo em Lisboa (2013) e Itália (2016).

Sua origem como cantora na música instrumental foi ao lado dos mestres e pais Arismar do Espírito Santo e Silvia Goes. Ao longo de sua estrada, trabalhou como backing vocal de artistas como Toquinho e Omara Portuondo.

Como artista dividiu palco com Toninho Horta, Sérgio Britto, Tiê, Gabriel Satter, Nelson Sargento, Oswaldinho do Acordeom, Dominguinhos dentre outros.

Registros de sua carreira podem ser conferidos pelos programas de TV – Programa Ensaio, SR. Brasil, Programa Mosaicos – homenageando Johnny Alf, Programa Talentos – homenageando Nelson Cavaquinho.

Em 2018, levou seu show Brasil em Canções para 17 teatros e fez sua estréia na cidade de Salvador-BA. Em 2019, a cantora se prepara para lançar seu terceiro cd.

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.